Skip to content
11/01/2013 / chapelleiro

Le Portrait de Petit Cossette

Ola, pessoas que embelezam o mundo com vossas cartolas. Hoje trago a vocês uma dica de um anime (ou OVA) rápido, belo e que pode lhe causar um curto no cérebro. Calma, explicarei. Mas antes, o anime:

Le Portrait de Petit Cossette
Dirigido por: Akiyuki Shinbo
le_portrait_de_petite_cos_169_1280
Well, a história:
A história começa mostrando o personagem Eiri Kurahashi, estudante que trabalha numa loja de antiguidades. Um de seus objeto, um copo, contem a alma da jovem Cossete, uma bela jovem que foi assassinada com um punhal em seu peito a muito tempo. Diziam antigamente que um objeto poderia guardar as lembranças trágicas de um acontecimento, no caso, guardar a alma e seus lamentos. É assim que Eiri consegue ver o espirito da garota inicialmente, que está preso em um copo. Eiri se apaixona perdidamente pelo espirito da jovem, a ponto de aceitar sacrificar coisas que jamais faria se não por amor e loucura.

– Rápido, você disse. Se bem que eu queria saber o porquê de “curto no cérebro”?

Ah, sim… Disse rápido porque é praticamente um OVA (Original Video Animation) de 3 episódios. E este “curto circuito no cérebro” se dá ao fato do anime ser F R A G M E N T A D O pra caramba (ou alho mesmo). É como se você estivesse assistindo a cada peça de mosaico, se encaixando lentamente até que se tenha a imagem final formada. Se você se dispersar por um instante já deixa de captar alguma coisa que lá na frente iria fazer sentido. Mas posso dizer que achei divertido essa maneira que Akiyuki Shinbo trabalhou.

cossetteu-le-portrait-de-petit-cossette-32830622-853-480
Outra coisa que gostei no anime (OVA, tanto faz) foi também a maneira como desenharam Cossette, com um traço bem mais realista se comparados a outros animes. É impossível não assimilar a aparência da jovem com um anjo de uma beleza imaculada.

Mas o que realmente me conquistou foi a trilha sonora. Pra ser sincero foi a primeira coisa que descobri do anime, enquanto pesquisa na cartola sobre mais musicas para os devaneios deste chapelleiro. São belíssimas, cada uma. Para mim é aquele álbum que você pode selecionar todas e deixar rolar por horas.

Main Theme – Le Portrait de Petit Cossette

Somewhere I Belong – Le Portrait de Petit Cossette

Love Pain  Le Portrait de Petit Cossette

Fake Jewel  Le Portrait de Petit Cossette

Silent Ceremony  Le Portrait de Petit Cossette

Quem me amaria tanto, a ponto de renunciar sua própria vida? Se alguém se afogasse no mar por minha causa… Nesse instante eu seria libertada dessa pedra. Devolvida à vida. Poderia voltar a viver. Mas… se algum dia eu fosse trazida de volta à vida pela pessoa mais querida que possuo. Nessa hora, eu ia chorar solitária. Choraria só, procurando pela minha pedra. 
Mesmo que meu sangue fosse tão doce como vinho, quão admirável seria? Afinal, não posso trazer de volta das profundezas do oceano a pessoa que mais me amou.”

“Eu continuei procurando sem expectativas. Por 250 anos… eu venho procurando por alguém que possa me ver…

cossette01

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: