Skip to content
23/11/2011 / chapelleiro

Berserk

Sim, ainda estou vivo e não, não vou deixar este blog às moscas, pelo menos por agora. Hoje trago uma dica (se não uma ordem de leitura!) para um dos mangás mais pesados que já li, falo do sangrento:

Berserk (de Kentaro Miura)


“Certo, lembro-me que falou sobre Elfen Lied aqui… Seria basicamente a mesma coisa?”
Quanta ingenuidade compará-lo com Elfen, este consegue ser muito pior em questão de sangue, mutilações e afins. Sinceramente, Berserk é um tipo de mangá que não é para qualquer um ler, principalmente os que possuem mente fraca para as fortes cenas que há nesse mangá. Não é brincadeira, estupros, cabeças, tripas, tudo “rola” (quase que literalmente) nesse mangá.

“lol, e a história?”
Basicamente, conta a história de Gatts, espadachim negro que fora encontrado, quando bebê,  por um grupo de mercenários que passavam por uma árvore onde vários cadáveres estavam enforcados ou estirados sobre suas raízes. Gatts então fora criado desde cedo para a espada, um destino frio de guerras e mortes.  Esse destino o leva a entrar para o grupo Falcão, onde conhece Caska e Griffith, que almeja um grande sonho, do qual fara de tudo para se realizar, mesmo que tenha que sacrificar, literalmente, tudo e todos (que é o que acontece).
Gatts e Caska, são os únicos sobreviventes “do ritual” onde Griffith fora nomeado “A Quinta Entidade Da Mão de Deus” (para que não entendeu, Griffith trollou todo mundo e ficou fodão), e Gatts e Caska passam a viver como a marca do “sacrifício”, pois seus corpos pertencem aos demônios já que Griffith havia sacrificado tudo. Por isso são perseguidos por eles, e Gatts, seguido por Puck, um elfo que acaba dando um certo ar de comédia para o mangá, e munido com sua Dragon Slayer (uma great sword foderosa) picota que nem papel estes, para um dia poder se vingar de Griffith e recuperar a sanidade perdida de Caska.

“A história parece boa, mas é o traço?”
O traço do Kentaro Miura é perfeito!!! O cara deve ser dono de uma paciência anormal, só de ver as cenas de batalhas, cada armadura, cada pessoa, golpe, monstro, tudo é detalhado como se estivéssemos vendo um quadro. É um dos traços que mais gosto, fora a criatividade do cara para desenhar as feras e bestas, colocando uma história boa para cada um delas. Respeito infinito por ele.
Alguns exemplo:

“lol, que cool! Vou baixar o anime tamb…”
Você quem sabe, mas recomendo que leia o mangá! O anime não chega a ter a “magia” que o mangá proporciona, fora que já escutei reclamações de uns amigos dizendo que Berserk nem era tudo aquilo, mas estes apenas viram ou começaram pelo anime. E não pouca coisa, “300 e tanãnãs” capítulos, ou seja, diversão garantida!
Site para quem quiser ler, já traduzido, o mangá:
http://www.punchmangas.com.br/listagem/berserk/
 Caso manje do inglês, basta procurar por “Berserk mangá online” e by happy.
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: